terça-feira, 24 de janeiro de 2017

40 anos do álbum ‘Animals’ do Pink Floyd

 "Animals" - Reprodução da capa

O dia 23 de janeiro de 2017 marca os 40 anos do lançamento do disco “Animals”, do Pink Floyd. Décimo disco da banda britânica, é mais um trabalho conceitual, no qual há críticas às condições sociais e políticas da Inglaterra dos Anos 70.

O disco é baseado no clássico livro “A Revolução dos Bichos”, de George Orwell, que tem o título original “Animal Farm”, em inglês.

“Animals” sucedeu nada menos que os álbuns de imenso sucesso “The Dark Side of the Moon”, de 1973, e “Wish You Were Here”, de 1975.

Comparado a estes dois discos, é um álbum totalmente anticomercial, com poucas músicas, sendo que a mais longa delas, “Dogs”, possui nada menos que 17 minutos e três segundos de duração.

Enquanto “The Dark Side of the Moon” traz uma quantidade bem maior de canções e um número relevante de clássicos do rock, “Animals” não tem músicas que tenham atingido tal condição, comercialmente falando, apesar da qualidade das mesmas.

Mesmo em “Wish You Were Here”, que continha também poucas músicas, havia a faixa-título e “Shine On You Crazy Diamond” como hits incontestáveis que marcaram o disco.

Para os entendidos em Pink Floyd, “Animals” pode não ser um disco de fácil assimilação, mas é essencial na discografia da banda britânica. Destacam-se, além das letras críticas compostas pelo baixista Roger Waters, algumas das melhores performances do guitarrista e vocalista David Gilmour e participações decisivas do tecladista Richard Wright.

Foi neste disco que surgiram alguns dos primeiros sinais de discórdia no grupo que, anos mais tarde, durante a gravação de “The Wall”, teriam como consequência a saída de Richard Wright, após desentendimentos com Roger Waters.

A turnê do disco “Animals”, denominada “In the Flesh Tour”, também foi importante para a história da banda, já que conta com um fato marcante no qual Waters chegou a cuspir em fãs barulhentos da primeira fileira de um show em Montreal que o incomodavam. O incidente foi combustível para a ideia da turnê do “The Wall”, na qual havia um muro entre o grupo e a plateia, um produto do desejo de Waters de isolamento.

A capa de “Animals”, talvez, comercialmente, tenha tido um apelo maior do que qualquer canção gravada neste álbum. A imagem do porco inflável sobrevoando a Usina Termelétrica de Battersea está entre alguns dos detalhes mais clássicos do rock n’ roll.

A ideia da capa veio de Roger Waters e foi desenvolvida em conjunto com Storm Thorgerson e a Agência Hipgnosis.

Apesar de trazer um perfil anticomercial, “Animals” vendeu bastante, gerando discos de platina para o Pink Floyd e boa aceitação da crítica especializada.

Para comemorar os 40 anos do álbum “Animals”,  deslocamos  amostras no YouTube. Fique abaixo com o áudio da faixa “Dogs” em um show em Frankfurt, na Alemanha, em 1977. Depois, fique com o áudio de “Sheep”, em apresentação realizada no Texas (EUA) no mesmo ano.





Fonte: Roque Reverso 

A CAMISA DE SUA BANDA PREFERIDA INCLUSIVE "PINK FLOYD" TEM NA ANTRO!






 ANTRO DO ROCK
A loja do rock de Teresina
Ligue (86) 3221 8285

Siga-nos  pelo Instagram
e pelo WhatsApp 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog