segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Música do novo álbum do Iron Maiden homenageia ator

“Tears Of Clown” fala sobre Robin Williams, morto no ano passado

ironmaiden2015 

Uma da músicas do novo álbum do Iron Maiden, “The Book Of Souls”, é uma homenagem ao ator Robin Williams, morto há cerca de um ano. A informação vem do vocalista Bruce Dickinson, em reposta a um entrevista concedida a um jornal italiano.

“Minha música favorita é uma que eu não compus. É ‘Tears Of Clown’, que fala sobre Robin Williams”, disse Dickinson. “Eu me pergunto como ele poderia estar tão deprimido quando sempre parecia tão feliz”. O ator se suicidou após um longo processo de tratamento.

“Tears Of Clown” é uma composição assinada pelo guitarrista Adrian Smith e pelo baixista Steve Harris. Outra música desse novo álbum, “Speed Of Light”, já foi oficialmente lançada, através de um videoclipe.

“The Book Of Souls” será lançado no dia 4 de setembro, em todo o mundo. É o 16o disco do Maiden, gravado em Paris e produzido mais uma vez por Kevin “Caveman” Shirley, no final do ano passado. O lançamento foi adiado por conta dos problemas de saúde do vocalista Bruce Dickinson, que se recuperou do tratamento de um câncer.

O CD é duplo, supera 92 minutos e vem com 11 faixas, incluindo três com mais de 10 minutos de duração. Duas das músicas são assinadas por Dickinson, o que não acontecia desde “Powerslave”, que saiu em 1984; veja a lista completa das faixas no final do texto.

A capa, essa aí abaixo, é de Mark Wilkinson. “The Book Of Souls” sucede “The Final Frontier”, de 2010, e a formação atual inclui também Dave Murray e Janick Gears (guitarras) e Nicko McBrain (bateria). Veja abaixo a lista das músicas que estão em “The Book Of Souls”: 

CD1
1- If Eternity Should Fail
2- Speed Of Light
3- The Great Unknown
4- The Red And The Black
5- When The River Runs Deep
6- The Book Of Souls

CD2
7- Death Or Glory
8- Shadows Of The Valley
9- Tears Of A Clown
10- The Man Of Sorrows
11- Empire Of The Clouds

ironmaidenthebook  
 Iron Maiden - Speed Of Light



Fonte: Rock em Geral

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog